Campinas multa Vitale por problemas no Ouro Verde

0
69

Com informações do G1 Campinas
A Prefeitura de Campinas aplicou uma multa para a Organização Social Vitale, que administrava o Hospital Ouro Verde, por envolvimento no esquema de desvios na unidade médica investigado pelo Ministério Público desde 2017.

De acordo com a Secretaria Municipal de Assuntos Jurídicos, a instituição também fica suspensa de participar de qualquer licitação na cidade pelo período de dois anos.

O despacho foi assinado pelo secretário Sílvio Bernardin, que, durante a investigação da Promotoria, teve o nome citado por suspeitos de integrarem o esquema de desvios de verbas do hospital.

A empresa tem até 10 dias úteis para recorrer.

A autuação, publicada no Diário Oficial desta terça-feira, só começa a valer após a apresentação de todos os recursos.

De acordo com a publicação no Diário Oficial, a multa é de 10% sobre o valor mensal do contrato estabelecido entre a Vitale e a Prefeitura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Por favor, digite seu nome