Hortolândia é uma das piores cidades para jovens, aponta estudo

0
2

Com informações da CBN Campinas
Um estudo realizado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, a Unesco, apontou que Hortolândia é a cidade mais perigosa na região de Campinas no quesito segurança para a população jovem de 15 a 29 anos.

A pesquisa foi feita em 307 cidades no Brasil com mais de 100 mil habitantes.








O índice médio de violência em Hortolândia foi de 0,337, que coloca a cidade com status de vulnerabilidade média baixa.

O município chegou a ter nota 0,625, portanto mais próximo de 1, na avaliação de mortalidade de jovens por acidentes de trânsito e 0,081 no quesito Mortalidade por homicídio.

A média estipulada na pesquisa vai de zero a 1.

No Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência, oito cidades da região estão na lista.

Além de Hortolândia aparecem Campinas, Sumaré, Americana, Valinhos, Indaiatuba, Limeira e Piracicaba.

O índice aponta que todas apresentam possuem vulnerabilidade baixa.