Hospital de Clínicas da Unicamp bate recorde em doação de órgãos

0
12
Foto: Reprodução EPTV

Com informações do G1 Campinas
O Hospital de Clínicas da Unicamp registrou 485 transplantes de órgãos durante 2017, recorde desde que foi inaugurado em 1984.

O total representa alta de 38,1% no comparativo com os 351 do ano anterior.

Referência para aproximadamente 6,5 milhões de moradores em 86 municípios da microrregião de Campinas, o hospital atende via Sistema Único de Saúde e está entre os dez que mais fazem transplantes no país.





Foto: Reprodução EPTV



Além disso, lidera o ranking deste tipo de procedimento no interior do estado.

Durante 2016, os procedimentos foram os seguintes:

  • renal (136)
  • córnea (123)
  • fígado (47)
  • medula óssea (37)
  • cardíaco (8)

Entre os dez tipos de órgãos e tecidos que podem ser transplantados, o hospital não faz os de intestino, valva cardíaca, além de ossos e pulmões.

O número de doações de órgãos no ano passado também superou a quantidade registrada em 2016.

Em julho do ano passado, o hospital inaugurou nova ala para pacientes com problemas cardíacos.

Além disso, tornou-se o primeiro do SUS a ter equipamento que reduz em 70% tempo das cirurgias endovasculares.

A abertura de novos leitos na UTI pediátrica, contudo, foi adiada para março.