ODC no Enem 2018 | Atualidades da política nacional podem cair na prova; Vejam o que estudar

• Com informações do Educa Mais Brasil.
Em ano eleitoral o tema política ganha ainda mais evidência. E se essa é uma pauta atual, certamente é um candidato a se apresentar na redação do Enem 2018, uma vez que a prova traz conteúdos recentes em sua proposta dissertativa. O universo político pode não ser fácil de compreender, mas é preciso ficar atento para não perder os acontecimentos, afinal as chances de se deparar com o assunto no Enem é grande. É importante acompanhar os debates, conhecer os principais candidatos às eleições 2018 e entender a política no Brasil. Para facilitar, fizemos um breve resumo com algumas informações básicas sobre o funcionamento do sistema político brasileiro. Confira:
República: essa é a forma de governo do Brasil. Dessa maneira, os representantes são eleitos por meio de um sistema democrático, ou seja, pelo povo e assim cumprem os seus mandatos. Como o Brasil é uma República Constitucional, isso significa que é regido pela Constituição, um conjunto de leis, normas e regras. Conhecida também como a lei máxima que limita poderes e define os diretos e deveres dos cidadãos.
A república brasileira, além de Constitucional também é federativa e presidencialista. O que isso quer dizer? federativa porque divide o País em estados que possuem certo grau de autonomia, porém seguem unidos e subordinados à soberania do governo federal, que nesse caso é comandado por um Presidente, que é eleito pelo povo, pois o processo é democrático, lembra? A Constituição divide o governo em três poderes, você sabe quais são eles? Entenda:
Executivo: por ser um país presidencialista, o Poder Executivo é representado pelo Presidente da República. Essa esfera, que também é chamada de “administrador” é subdividida em Poder Executivo Federal, Poder Executivo Estadual e Poder Executivo Municipal. Sendo representados pelo Presidente, Governador e Prefeito, respectivamente. A função é de garantir o funcionamento e aplicação das leis.
Legislativo: o centro desse poder é a elaboração das leis, que regulamentam o Estado, bem como as adaptações das mesmas. Fazem parte desse âmbito a Câmara dos Deputados e o Senado Federal, sendo composta pelos deputados estaduais, federais e os senadores, formando assim o Congresso Nacional. Também faz parte das funções legislativas fazer a fiscalização orçamentária, financeira e contábil do País.
Judiciário: esse poder é o responsável pela administração da Justiça na sociedade, tendo como principal função defender os direitos de cada cidadão. Cabe a ela interpretar as leis e garantir o bom funcionamento delas. É subdividido em órgãos como: Tribunais eleitorais, militares, de justiça e do trabalho.
 
*Com informações do Universia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Por favor, digite seu nome