Quais são os benefícios e consequências da castração de um gato?

0
16

A castração é um procedimento cirúrgico realizado em todos os felinos não-destinados à reprodução.

Por meio dela, é possível de maneira eficaz, segura e permanente, evitar o nascimento de crias indesejadas, evitar características reprodutivas como miados incessantes na época de cio, longas saídas noturnas e marcação de território com jatos de urina pela casa.








“Na maior parte das vezes, os animais tornam-se mais dóceis, diminuindo as brigas e disputas com outros da residência ou da vizinhança. Deste modo, há menores riscos de contrair doenças transmissíveis e de disseminação de zoonoses. Com tantos benefícios, é por isso que esse é um procedimento cada vez mais indicado por veterinários do mundo todo e realizado com os animais ainda bem jovens”, explica a veterinária da PremieR pet, Keila Regina de Godoy.

Entretanto, após a castração, é facilmente observado que os gatos têm um menor interesse por atividades externas e um maior interesse pelo alimento e pelo sofá.

“Se por um lado isto é desejável, pois ficam mais caseiros e menos expostos aos perigos da rua e da vida externa, por outro, a mudança de comportamento leva a um menor gasto de energia e, consequentemente, o aumento do peso, além da pré-disposição à formação de cálculos urinários e bolas de pelos”, diz Keila.

Diante disso, uma nutrição adequada é essencial para os gatos castrados.