Salários da Câmara de Vereadores de Campinas vão subir 32%

0
211
Foto: Leandro Torres / AAN

Com informações do Correio Popular

Foto: Leandro Torres / AAN
Os salários dos cargos que envolvem a Câmara de Vereadores de Campinas vão subir 32,53%.

Foram dois projetos sancionados logo depois da votação que criou 99 cargos comissionados para o legislativo campineiro.




A maior porcentagem foi aplicada para os cargos de assessores de comunicação, funcional auxiliar, de imprensa, de segurança e técnico da presidência, chefes de gabinete, diretor da Escola do Legislativo de Campinas, ouvidor, chefe da Central de Comunicação Institucional, consultor jurídico da presidência, procurador chefe da Câmara e secretário geral.

Já o assessor de gabinete passa a ter vencimento 16,96% maior.

Por outro lado, os assessores legislativo e estratégico, que agora são denominados assessores político e de apoio ao controle da Administração Direta e Indireta, assim como os chefes de gabinete permanecem com os mesmos salários.

Dentre os salários que tiveram maior aumento, os valores que variavam entre R$ 5.428,39 e R$ 14.823,69 passaram a variar entre R$ 7.194,22 e R$ 19.645,75.

Já o do assessor de gabinete passou de R$ 3.020,61 para R$ 3.532,93.

O assessor político recebe R$ 6.119,87, o assessor de apoio ao controle da Administração Direta e Indireta, R$ 8.710,61, e o chefe de gabinete R$ 12.398,24.