Saúde | A importância da saúde bucal dos idosos

0
32
Foto: Reprodução

Saúde bucal é um tema bastante delicado, principalmente quando envolve pessoas que já chegaram à terceira idade, quando os cuidados devem ser redobrados.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais de 40% dos idosos no Brasil não possuem seus dentes naturais. O motivo dessa perda é devido à falta de uma boa higienização e cuidados periódicos que não foram adotados da forma correta no decorrer dos anos.

Para Marcia Gabriella Barros, especialista em radiologia odontológica e mestra em saúde pública, a saúde bucal do idoso acaba sendo deixada de lado pelos seus próprios familiares e cuidadores. Segundo ela, os pacientes por si só acabam fazendo a higienização bucal, mas de forma incorreta.

A especialista ressalta que os idosos estão mais sujeitos às doenças periodontais, o que ressalta a importância de uma escovação adequada.

As visitas ao dentista devem acontecer periodicamente. Caso aconteça de haver uma primeira inflamação que não seja tratada, ela poderá aumentar e virar uma infecção mais séria, contribuindo para a alteração dos tecidos de sustentação dos dentes, o que pode ser caracterizado como periodontite.

Como manter a saúde bucal da pessoa idosa em dia

Desde o nascimento até a terceira idade, ocorrem diversas mudanças em nosso corpo, mente e também nos dentes. O tempo passa para todas as pessoas, e assim como os cuidados com a saúde devem ser para a vida toda, o mesmo se aplica aos dentes.

Nos dias de hoje, é natural encontrarmos pessoas com a ideia de que perder os dentes, quando idoso, faz parte de um processo natural. Calma! Alguns problemas bucais nessa fase da vida até são comuns, mesmo com todos os cuidados, mas o importante é que a pessoa saiba identificá-lo. Assim, fica mais fácil tanto para o paciente como para o profissional que irá tratar.

Os dentistas enfatizam a importância de escovar os dentes após cada refeição e principalmente uma última escovação antes de dormir. Além de manter o sorriso sempre bonito, a saúde bucal melhora bastante. Lembre-se que a escova deve ter o tamanho adequado, que as cerdas devem ser macias e que o creme dental deve ter flúor.

Sugestões que podem ajudar na saúde bucal

● Após a escovação, fazer uso do fio dental, passando-o entre os dentes para remover os alimentos que estejam ali;

● Procure escovar a língua, já que ela armazena restos de alimentos, sem contar que pode acumular bactérias que provocam o mau hálito;

● O enxaguante bucal é um ótimo aliado nesse tipo de higienização.

Possíveis problemas que podem ocorrer

– Cárie: essa é uma doença provocada por bactérias que vivem na boca e se alimentam do açúcar composto nos alimentos. Elas se tornam mais resistentes e passam a produzir ácidos que levam à destruição dos dentes. A cárie pode aumentar e levar o paciente a sentir dor, desconforto e até a perda do dente.

– Doenças da gengiva: esse tipo de doença geralmente aparece devido ao acúmulo de placa bacteriana, que é uma película glutinosa e incolor, formada por bactérias e restos de alimentos que ficam fixados na superfície dos dentes e na gengiva. Ela pode dar início a uma inflamação, conhecida popularmente como gengivite, podendo alastrar-se e atingir a estrutura óssea que sustenta os dentes, resultando assim na periodontite.

– Prótese dental: O uso da prótese dental é indicado para aqueles pacientes que por algum problema perderam dentes, pois são importantes para ajudar o paciente a obter uma mastigação correta dos alimentos e a fala, além de manter o equilíbrio das estruturas da face e das articulações. Vale lembrar que o seu uso depende de cuidados especiais.

Esses são somente alguns dos diversos problemas bucais que podem ocorrer caso os responsáveis pela pessoa idosa não fiquem atentos aos cuidados adequados com sua saúde bucal. Por isso, é de suma importância que quem esteja nessa fase da vida ou seja o cuidador de uma pessoa dessa idade adote todos os cuidados recomendados pelos profissionais de saúde bucal.

O cirurgião-dentista é o profissional responsável por diagnosticar, prevenir e tratar dos problemas de saúde bucal das pessoas. Esses e outros conhecimentos são muito importantes para que o profissional possa desenvolver suas atividades.

Outro fator que deve ser levado em consideração é o uso de equipamentos que permitam total segurança nos procedimentos e sejam de boa qualidade, que podem ser encontrados em empresas de tradição como a i9 Equipamentos, que comercializa diversos equipamentos para donos de clínicas e pessoas físicas e jurídicas, como a cadeira odontológica, e atende tanto a consultórios já existentes como aos novos estabelecimentos.

As informações são de responsabilidade da Dino.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Por favor, digite seu nome