Seguros | O que é mais vantajoso: manter o seguro do carro ou instalar um rastreador?

O carro é um dos bens mais caros que você vai comprar na vida. Por isso, é importante cuidar e protegê-lo. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA), entre os dias 29 de outubro e 1º de novembro foram contabilizados 42 roubos e furtos de veículos, o que gera uma média de dez casos por dia. Conforme os dados da SSP-BA, divulgados pelo site oficial do órgão, foram nove ocorrências em municípios vizinhos, como Lauro de Freitas, Simões Filho, Camaçari e outros, e 33 casos em diferentes bairros da capital baiana.

A forma mais conhecida para proteger seu carro é por meio do seguro, mas nem todos conseguem arcar com o valor da franquia, que varia de acordo com o modelo do carro e as características do motorista. Nesse cenário, surge como opção de proteção mais em conta os rastreadores.

O rastreador monitora e rastreia o veículo 24 horas por dia usando sinais de satélite e tem a função de localizar o veículo em caso de roubo. Alguns desses equipamentos conseguem inclusive “bloquear” o automóvel nesse caso, interrompendo o funcionamento dos motores e pedais. Os planos também podem incluir serviços de assistência 24h, como guincho, chaveiro, troca de pneus e outros conhecidos por quem contrata o seguro.

Já a  contratação de um seguro automotivo completo pretende dar coberturas para diversos imprevistos, como furtos, roubos, acidentes e perdas totais. É mais abrangente, e por isso mais caro. “O rastreador é indicado para clientes que não possuem o seguro, mas que desejam contratar um serviço de proteção para carros por um preço mais acessível”, explica Diego Cruz, gerente comercial da Autoprimesat.

O rastreador foi a solução para o estudante Francisco Fonseca, 26. “Ao fazer a cotação para o seguro, me deparei com um valor exorbitante, e como na minha casa são dois carros, ficou fora do orçamento, que, juntando os dois carros, chegaria a mais de R$ 6 mil só com seguro. Então uma das alternativas foi procurar um meio seguro e confiável, que são os rastreadores veiculares”. Francisco tem um New Fiesta 2013 e paga mensalmente R$ 49,90 pelo rastreador que dá direito à cobertura de até quatro veículos,  aplicativo mobile/web, bloqueador e desbloqueio, relatório de rotas, cobertura nacional, alerta de ignição e auxílio em caso de furto e roubo (auxílio-polícia) por meio do telefone 0800.

Ao contratar o rastreador, o cliente precisa pagar um valor para a instalação do aparelho e a mensalidade do serviço. Ao entrar em contato com a empresa, os técnicos realizam uma análise do cliente e em seguida vão até a residência do motorista instalar o rastreador, que geralmente fica localizado na parte interna do painel. Na Autoprimesat a instalação custa em média R$ 150 tanto para carros como para motos. A partir de cinco carros é possível negociar o valor reduzindo a mensalidade. Entre os planos oferecidos pela empresa, o mais em conta custa R$ 49,90 por mês. Já o mais completo chega a R$ 69,90. “Cerca de 98% dos carros roubados ou furtados são recuperados. Assim que recebemos a denúncia, cerca de 60 minutos depois conseguimos recuperá-lo”, revela Cruz.

As informações são do jornal A Tarde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Por favor, digite seu nome